TESTE|MAKOTO AZUMA

convocação para performance artística

Procuram-se 30 ciclistas, maiores de 18 anos, para participar da performance do artista japonês Makoto Azuma, projeto que faz parte dos eventos de inauguração da JAPAN HOUSE SÃO PAULO.

Os interessados devem ter disponibilidade para pedalar do dia 08/04 a 07/05, exceto às segundas-feiras, das 10h às 18h.

Todos os participantes receberão ajuda de custo, alimentação, uniforme e equipamentos para a performance.

A quem possa interessar, enviar e-mail com as datas de sua disponibilidade até 03/04 para:

flowermessengermakotoazuma@gmail.com

Idealizada por Marcello Dantas, Diretor de Planejamento da JAPAN HOUSE São Paulo, e Makoto Azuma, a Flower Messenger é uma intervenção móvel formada por 30 bicicletas floridas, que circularão juntas pelos principais cartões postais da cidade, com arranjos que ressaltam cores, texturas e formatos, características sempre evidentes no trabalho do artista. “Procuro novas formas de expor as espécies. Eu embalo-as a vácuo, queimo e congelo – estas ações são tentativas de fazer um recorte de sua beleza”, afirma o florista.

SOBRE MAKOTO AZUMA

Reconhecido pela relação inovadora com flores e plantas, Makoto utiliza-se de técnicas inusitadas para realizar o seu trabalho como artista, meio onde é conhecido como ‘escultor botânico’ pela plasticidade de suas composições. Foi o responsável pelo lançamento de bonsais e ikebanas ao espaço, a uma altitude de 30 km. Denominado de Exobiotanica, o projeto levou os arranjos a estratosfera com a utilização de balão meteorológico com uma câmera digital acoplada, registrando imagens excepcionais desta arte no espaço (mais detalhes em http://exobiotanica.com/). No trabalho Iced Flowers, o artista também levou a resistência das plantas ao limite ao congelar arranjos de flores em blocos de gelo, interrompendo seu fluxo natural de decadência e originando uma exposição muito viva e colorida. Com este projeto, decorou a passarela do estilista Dries Van Noten, na última semana de moda de Paris. Makoto Azuma também faz criações de displays para lojas e já expôs em museus e centros culturais como a 21_21 DESIGN SIGHT em Tóquio, Triennale Design Museum, Milão, Beijing Center for the Arts,  em Pequim, China.